OUTROS CATALINAS DA AVIAÇÃO CIVIL BRASILEIRA

Landseaire

PBY-5A Catalina – Prefixo PT-APK (CN 1599; BuNo 34045 USN)

O Consolidated Catalina PBY-5A MSN 1599 foi convertido em LANDSEAIRE (iate voador de luxo) e registrado com a matrícula norte-americana N69043; em 1953, foi adquirido pela Empresa Aérea Real Aerovias, nos EUA, em nome de Adhemar de Barros Filho, e registrado como PT-AXX. Possivelmente, essa matrícula PT-AXX foi apenas utilizada para a regularização da aeronave e o traslado para o Brasil, pois, logo depois, foi registrada como PT-APK.

Em 05 de julho de 1953, foi danificada, com perda total da aeronave, em um acidente na enseada de Picinguaba, em Ubatuba, no litoral de São Paulo/SP. O avião partiu do Aeroporto de Congonhas/SP e, ao amerissar na enseada, as ondas altas levaram o piloto a decidir descolar novamente. Um dos flutuadores do Catalina chocou-se com uma onda e a aeronave embicou na água, sumergindo. Não houve vítimas.

Consta do Registro Aeronáutico Brasileiro – RAB como um CONSOLIDATED PBY-5A Serial Number 1599 com a Matrícula PT-APK: PT-APK – CONSOLIDATED PBY-5A CATALINA – SERIAL NUMBER 1599

Consta do Registro Aeronáutico Brasileiro – RAB como um CONSOLIDATED PBY-5A Serial Number 1599 com a Matrícula PT-AXX: PT-AXX CONSOLIDATED PBY-5A CATALINA

PBY-5A Catalina – Prefixo PT-BBP (CN 64063)

Sem dados sobre sua origem, sua operação, e seu(s) proprietário(s) consta do REGISTRO AERONÁUTICO BRASILEIRO (RAB):

CONSOLIDATED PBY-5A CATALINA – MATRÍCULA PT-BBP – SERIAL NUMBER 64063 – Rgd 15/06/1962

***************************************************